A minha Páscoa


    Eu não ligo à parte religiosa da data, sempre foi mais um bom dia para reunir a família, aliás a minha família praticamente só se reunia no dia de Páscoa.
    Nestes últimos anos devido a ter me mudado de cidade e ter decidido afastar-me de vários elementos da minha família que considerava tóxicos para minha vida, passo a Páscoa em minha casa sem grande alarido, porque o namorado costuma estar a trabalhar, normalmente faço só um bom jantar. O meu feitio não se coaduna de todo com a hipocrisia de ver gente reunida em convívio que falam mal uns dos outros o ano inteiro, no meu lar é tudo mais sereno.
    As memórias felizes que tenho da Páscoa são as de ajudar a minha avó materna a fazer os folares, nesta época do ano, ela passa as semanas a fazer os bolos, as bolas de carne, as broas doces, entre outras coisas e o meu fascínio era sempre enorme que nem me importava de estar de férias e ajudá-la nessas tarefas. Assim como ir apanhar várias plantas para colocar no chão à entrada da porta e na rua em frente à porta para a visita pascal, nessas plantas não podia faltar o alecrim que é o cheiro que me transporta logo para esses momentos.
    Na terra das minhas avós a Páscoa é à segunda feira, o almoço era sempre bacalhau com batatas a murro ou chanfana, nestas épocas festivas adoro comer carne assada, mas quem foi que este ano se esqueceu de colocar o lombo a marinar? Eu! Acabámos por jantar um belo arroz de pato feito pela sogra.
    E pela primeira vez, para matar as saudades da casa da minha avó, decidi experimentar fazer um folar ao género da minha zona da bairrada e apesar de não ser tão bom como o da avó (acho que nunca será), estava muito bom e fiquei com um enorme orgulho, que sendo a tradição da família, o meu primeiro folar tenha corrido tão bem.


    Como o namorado é um amor e sabe que esta data pode trazer-me alguma nostalgia e melancolia, decidiu mimar-me, ofereceu-me uma caixinha amorosa com um mix de amêndoas que eu apesar de estar de dieta não consigo resistir, mas proibi ele de comprar ovos de chocolate e outras coisas do género, as tentações são muitas e não posso estragar o que tanto trabalho me deu a conseguir.


    E também ofereceu-me um CD e DVD do Luan Santana porque sabe que nestes últimos meses tem sido o meu vício musical, ouço e vejo muitas vezes os videoclips das músicas, sobretudo as que o Luan tem em dueto com a Ivete Sangalo, a Anita, a Marília Mendonça e o meu preferido, o dueto com a Sandy (dos Sandy&Junior).




E a vossa Páscoa, como foi? Espero que boa =)



Share:

8 comentários

  1. Eu confesso que também passo só com os meus pais e marido, acho que essa é mesmo a família que devemos celebrar. Que bom aspecto :p

    THE PINK ELEPHANT SHOE // INSTAGRAM //

    ResponderEliminar
  2. Woooow :) foi bom. Eu recebi um pijama fofo do meu namorado eheh
    Beijinho

    ResponderEliminar
  3. Love it soooo much! Yummy!
    You've a new follower, thank you! ❤

    MARY MARÍA STYLE

    ResponderEliminar
  4. Que demais parece ter sido sua Páscoa! Além de você ter ganhado um super presentão né? Eu adoro o Luan Santana também, meu álbum preferido dele é o primeiro :)
    Beijoos

    Keep Calm Girls

    ResponderEliminar
  5. Hello dear,
    you have such a fantastic blog!
    Would you like to follow each other on GFC? Please let me know, it would be my pleasure!
    Hugs,
    LIANA LAURIE

    ResponderEliminar
  6. Ai, ai Luan!

    http://quase-italiana.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  7. Nesta altura, os típicos folares não podem faltar :)
    Kiss, Mariana Dezolt
    Messy Hair, Don’t Care

    ResponderEliminar

Querido/a dê-me a sua opinião, ela é importante.